Seca severa e extrema em cerca de 80% de Portugal continental

07.07.2017

|

Actualidade

Dados do Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) referem-se a Junho.

Quase 80% de Portugal continental encontrava-se em Junho em situação de seca severa e extrema, segundo o boletim climatológico do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, que caracterizou aquele mês como "extremamente quente e muito seco".

O boletim disponível esta sexta-feira na página do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) na Internet indica que no final do mês de junho cerca de 80% de Portugal continental estava em seca severa (72,3%) e extrema (7,3%).

Segundo o índice meteorológico de seca (que tem em conta os dados da quantidade de precipitação, temperatura do ar e capacidade de água disponível no solo), a 30 de Junho mantinha-se a situação de seca meteorológica em quase todo o território de Portugal continental, verificando-se, em relação a 31 de Maio, um agravamento da intensidade da seca.

No final de maio, cerca de 70% do território estava na classe de seca moderada".

Rádio Renascença